Qual a diferença da Hepatite C para as outras hepatites?

Viva Mais Viva Melhor - Trecho da entrevista com: Dr. André Lyra

Publicado: 25 de setembro de 2018 - Atualizado: 4 de junho de 2019

A hepatite A e a hepatite E são vírus que são transmitidos pelo contato com água, contato do aperto de mão, alimentos contaminados, a chamada transmissão fecal oral. A hepatite B é uma doença sexualmente transmissível, ou seja, ela é frequentemente transmitida pelo sexo. 

A hepatite C, por sua vez, é uma doença que é transmitida por sangue e agulhas contaminadas de forma parenteral, pode ocorrer por transmissão sexual, mas essa transmissão é pouco frequente, não é tão comum quanto a hepatite B. 

A hepatite C caracteristicamente é uma doença de curso silencioso. Então, o indivíduo, ao adquirir o vírus, vai continuar com o vírus e a doença se prolonga por vários anos. Na verdade, a maioria dos indivíduos não vai ter uma doença grave, somente 10 a 20% evoluem para cirrose ao longo de 20 anos. Mas a prevalência da hepatite C é significativa, 1,5% da população brasileira, ou seja, 3 a 4 milhões de pessoas. Então 10 a 20% disso é uma quantidade significativa, muita gente tem ainda cirrose por hepatite C.